Livro: True Love – Jennifer Lopez

Sempre acompanhei a carreira artística da atriz e cantora Jennifer Lopez, tenho todos os CD’s e acredito que consegui assistir a todos os seus filmes. E como todo mundo sabe, JLo sempre foi famosa pela sua estonteante beleza e seu corpo escultural, foi eleita por diversas vezes e por várias revistas uma das mulheres mais linda do mundo, só que nem sempre ela se enxergava dessa maneira.

Jennifer-Lopez-True-Love-BookEm seu primeiro livro auto-biográfico, True Love, Jennifer se mostra super honesta sobre suas experiências como mulher, mãe, esposa e artista. O livro foi escrito numa espécie de diário durante a turnê “Dance Again” realizado em 2012. Só que o foco maior fica em torno do termino de seu casamento com o cantor Marc Anthony e o resgate da sua auto-estima: “Eu nunca tive um olho roxo ou um lábio partido, mas eu me senti abusada de uma forma ou outra: mentalmente, emocionalmente, verbalmente…

Sei como é sentir sua alma diminuída pelo modo que a pessoa que você ama o trata… Talvez seja um empurrão, um apertão ou uma palavra feia que fique em você. As cicatrizes não podem ser visíveis, mas marcam da mesma maneira.” – Desabafa a cantora em um dos trechos do livro. E quando o assunto é sobre o amor que sente pelos seus filhos, ela explica: Existe um amor diferente de todos. Um amor que não impõe condições. Um amor que não pode ser explicado e nem aprendido. É um amor que dá a você um propósito maior. Um amor que pode deixar de lado o resto do mundo.”.

O livro tem um tom meio que de auto-ajuda e em alguns momentos fica até um pouco que repetitivo demais. Mas a ideia principal esta alí: Ame-se primeiro para poder amar alguém. “Sempre que eu ouvia a frase “ame a si mesmo” antes, não entendia. Pensava que já me amava. Pensava: “É claro que me amo! Gosto do que sou. Trabalho muito.” Era só uma frase para mim, não algo que eu soubesse fazer.”

“O que era se amar, afinal? Ninguém ensina o que é, mas descobri que a chave da vida – porque é a chave para amar outra pessoa e deixar que os ouros a amém. Sem esse amor próprio, ficamos perdidos, somos conchas vazias. De modo mais prático, você precisa cuidar de si mesma, de seu corpo, de sua mente, cuidar de sua alma – ser sua guardiã.”

Enfim, ‘True Love’ não deixa de ser uma leve leitura, rico de imagens de bastidores e arquivo pessoal. Perfeito para conhecer um pouco a mulher Jennifer Lopez, e descobrir o que teimamos em esquecer, ela sofre, têm anseios, frustrações e desejos como uma pessoa normal, como todos somos. Boa leitura! 😉

Aplicativo: Snapchat

Demorei um pouco para aderir ao novo aplicativo do momento, o Snapchat, e estou adorando a brincadeira! 🙂 Para quem não sabe, a plataforma serve para trocar imagens, vídeos e mensagens de texto entre os usuários do seu circulo de contatos. Confesso que achei um pouco confuso o APP, e ainda estou tentando me encontrar. Sei que adicionei um monte de gente mas não consigo ver os videos de todos, só de poucas pessoas (será que só mostra quando têm atualizações?).

Snapchat

Como a minha ideia é criar um Canal no Youtube para ter uma interação mais direta e de ‘pertinho’ com todos, a ideia do Snapchat  nada mais é para que eu possa ir me familiarizando com a minha imagem em video. Sou feio demais. Blah! rs

Sabe o que estou achando de mais bacana no ‘Snap’ (olha a intimidade), adivinha? Por não ser tão visado, você pode compartilhar momentos mais informais do seu dia a dia e assistir as celebridades compartilhando bastidores, respondendo perguntas e levando um dia igual ao nosso (será? rs).

O conteúdo fica disponível por 24 horas, depois vira fumaça, some que nem um fantasma, simples assim! Sem mais delongas, olha a galera que estou acompanhando:
SnapcodeHugo Gloss – hugogloss
Madonna – madonna
Jennifer Lopez – jlobts
Kim Kardashian – kimkardashian

Pega o meu 👻Snapchat: andrehotter e não deixe de colocar o seu no comentário do blog!

 

The Weekend Playlist

Love MusicSe eu fosse convidado para ser DJ de uma balada ou festa, tenho certeza que ninguém ficaria parado (olha como sou modesto?!). Se tem uma coisa que gosto muito e estou o tempo todo ouvindo é música!

Não sou tão antenado nos últimos lançamentos mundiais mas tento sempre estar atualizado. Mas vamos falar a verdade, a música quando tem potencial para virar HIT na pista de dança, ela pode vir de qualquer do mundo que rapidamente a gente fica sabendo e dançando, não é?!

Enfim, vamos ao que interessa… A seguir a minha seleção de música para animar o fim de semana! Espero que gostem.

_Jennifer Lopez – Live It Up (feat. Pit Bull) ♫♪

_Nicki Minaj – Whip It ♫♪

_Jessie J. – Wild (feat. Big Seasn & Dizzee Rascal) ♫♪

_Kylie Minogue – Skirt ♫♪

_Beyoncé – Grown Woman ♫♪

O Que Estou Ouvindo No Momento… Part 2

Nossa! Ano passado postei aqui o que estava ouvindo naquele momento (confira aqui), como demorei para fazer um novo post, quando o assunto se trata de música todos os dias existem novidades. E para começar, para essa garota nem tudo se trata de “money“. “Não é sobre o dinheiro, dinheiro, dinheiro (It’s not about the money, money, money)… Nós apenas queremos fazer o mundo dançar (We just wanna make the world dance)“.

Jessie J. – Who You Are: Essa garota entrou no cenário musical com força total! Na minha opinião o seu single de debut foi “Price Tag“, mas a música que me fez prestar atenção de verdade nessa britânica foi “Domino“! Essa música é viciante, têm vezes que estou fazendo algo e ela fica no repeat e ouso até cansar! O álbum de estréia têm outras músicas bacanas: Nobody Perfect; Abracadabra; Who’s Laughing Now e Big White Room. Antes do sucesso, Jessie escreveu canções para Miley Cyrus, Justin Timberlake, Rihanna e outros. #Adoro!

Joe Jonas – Fastlife: Sim! Gosto de um dos Jonas Brothers! O garoto cresceu e se jogou em carreira solo e o que me chamou atenção no rapaz foi o clipe de “Just In Love“. Xonei! rs
Quando ouvi o CD por inteiro eu “Xonei! x2“. Muito bom! Dançante e com uma ótima sonoridade. Pop como deve ser. Os pontos altos do álbum: Just In Love (como já falei); See No More; Love Slayer; Fastlife; Make You Mine; Sorry; Not Right Now; Take It And Run. Enfim, quase o CD todo!

Nani Azevedo – Excelência (Ao Vivo): Você já ouviu música por tabela?! Quando o seu vizinho liga o som no último volume?! Na maioria das vezes o som da casa ao lado nem sempre é o que gostamos, mas dessa vez minha vizinha acertou. É um CD gospel, por isso me senti tocado, parecia que a mensagem estava vindo direta para mim. Peguei um trecho da música, joguei no Google e pronto! As letras e as melodias são bonitas, quando sobrar um tempo ouça a faixa “Os Sonhos de Deus“, foi exatamente essa música que me tocou! Outras especias: Espirito de Adorador; O Melhor Dessa Terra e Deus Todo Poderoso.

Whitney Houston – I Look To You: Infelizmente tivemos uma grande perda no mundo da música, perdemos sua melhor voz, Whitney Houston. Não existe parte boa quando um artista ou um icone morre, mas se pudemos dizer de tal forma a “parte boa” e o legado, sua obra que fica para o todo sempre, e Whitney soube faze-lo com maestria.
Lembro como se fosse ontem quando ganhei o LP do filme “O Guarda-Costa” de amigo secreto do colégio. Recordo que era um disco que todo mundo estava pedindo e eu fiz o mesmo sem saber quem cantava e nunca tinha visto o filme (fui vê-lo depois de anos), quando ouvi pela primeira vez fiquei fascinado! Comecei a cantar que nem a Whitney e da sala ouvia os gritos do meu pai: Canta que nem homem! (risos).
Seu último lançamento foi em 2009 e embalou muitos casais com a música titulo do álbum “I Look To You“.
Gosto desse CD desde sua primeira faixa que canto em alto e bom tom, “Million Dollar Bills” até “Salute“, a última música. Álbum memorável, cantora incomparável. Just Whitney… RIP.

Aura Dione – Before The Dinosaurs: Se não fosse pelo video da música “Friends” que o Tiago Paulino postou no Facebook eu não teria conhecimento dessa mocinha. Meio Britney Spears e Lady Gaga, mas intrigante de sua maneira. Gostei do clipe de “Friends” e desde então não paro de ouvir seu CD. Engraçado como ela lembra um monte de artistas, no clipe de “Geronimo“, primeiro single e música que abre o CD, ela lembra um pouco a Shakira e a Jennifer Lopez. As melhores do álbum: Geronimo; In Love With The World; Friends; Into The Wild; Superhuman e Before The Dinosaurs.